Nesse minuto…


Está em curso o festival de promessas utópicas do (futuro) poder legislativo. Trata-se dos vereadores que, para mim, estão passando por uma mutação e de repente todos serão futuros prefeitos e governadores em pleno horário eleitoral.

É um falando que vai construir hospital na zona oeste, outro afirma que irá implantar a Guarda Municipal (o que daqui a pouco vai parecer moda política prometer isso) e tem gente garantindo que vai lutar para mudar colégio estadual de lugar.

Nessa sessão de absurdos, quem acaba se dando bem em críticas desse tipo são os candidatos de partidos pequenos, que apenas dizem o seu nome e numero.

Porém, o PSol adotou a idéia de usar os seus candidatos para disseminarem as idéias do partido, o acaba favorecendo a campanha do prefeiturável da legenda (Vilson Machado). 

Apesar de tudo, existem candidatos sinceros (sim, existem): Já vi uns dois que alegam não terem promessas! Um deles até lembra que “o eleitor sabe os problemas da cidade”.

Então, Boa sorte, tal eleitor.

Anúncios

1 comentário

Arquivado em candidatos locais, Eleições 2008, legislativo municipal, Londrina, política

Uma resposta para “Nesse minuto…

  1. Quando eu era militante do P-SOL a idéia era de que a participação do candidato deveria ser programática, ou seja, deveria se basear na atitude de conscientização das massas, o que se faz através de denúncia e de propaganda da proposta comunista.

    Acho que é isso que está por trás da atitude dos candidatos. Mas falo sem conhecimento de causa, por que não tenho assistido à propaganda eleitoral.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s